Será que a magia da infância foi perdida???

Já se foi o tempo da infância com revistas em quadrinhos, programas e desenhos animados educativos. Poucos são os desenhos que ensinam alguma coisa para as crianças, que dão preferência por desenhos com lutas, agressividade e sangue.Nostalgico pensar em desenhos como Pica-pau, Tom e Jerry, Turma da Mônica, Corrida maluca, entre outros ou programas como Sitio do Pica Pau Amarelo, Daniel Azulay, etc, porém todos os que passaram por essa época podem dizer que eles eram muito mais divertidos que os apresentados hoje. Mas com a evolução dos vídeo-games e a voracidade do japão em dominar o universo dos desenhos animados resultam em uma fórmula que o produto final é o que temos hoje.
Ah pouco tempo atrás, fiz uma critica sobre os Teletubbies para uma pedagoga e, para minha felicidade, recebi uma aula grátis de como se ensina a uma criança. Os bonequinhos não repetem as frases à toa e sem proposito, tudo no programa é pensado de forma pedagógica para que a criança tenha um aprendizado simples e de uma forma natural, sem forçar ou impulsionar. Fiquei tão maravilhado com a explicação técnica da coisa que nunca mais chamei os bonecos de “idiotas”.
Hoje fui suspreendido com uma notícia que me decepcionou. O Maurício de Souza, criador da turma da Mônica, decidiu que os personagens passariam a fase adolescente da vida e ganhariam uma nova versão “Turma da Mônica Jovem”, porém jamais esperaria que a Mônica e o Cebolinha trocassem beijos e namorassem na historinha.
 Para aumentar ainda mais a indignação dos mais tradicionalistas a nova fase ainda terá como mudança o Cascão tomando banho (mas não sempre), Mônica que fez um regime e emagreceu e Cebolinha, agora chamado de Cebola, recorreu a fonaudiologia e só troca a pronuncia dos “r”s pelos “l”s quando está nervoso.
Ou seja, a história perdeu a ligação com o passado e basicamente foi recriada para esse estilo jovem dos personagens. Será que a magia da infância esta perdida? Ou esta nova fase trará conceitos sociais a serem tratados na adolescência? Se for isso será muito bom saber que as crianças podem estender sua leitura a esta nova fase depois de ter passado pelas fases infantis dos personagens. O que com certeza trará bons resultados. Mas acredito que todo saudosista vai lembrar como era anteriormente e falar “Bons tempos aqueles”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *